top of page

Ajorpeme recebe visita do Ministro do Empreendedorismo, da Microempresa e da Empresa de Pequeno Porte, Márcio França

Atualizado: 2 de jul.


A Ajorpeme recebeu nesta quarta-feira, 26/06, a visita do Ministro do Empreendedorismo, da Microempresa e da Empresa de Pequeno Porte, Márcio França. O ministro fez questão de visitar a entidade, para conhecer a Ajorpeme e conversar com a Presidente Patricia Furlan Hille sobre as demandas e os desafios das Micro e Pequenas empresas. A visita aconteceu entre o fim da manhã e o início da tarde. 


O desejo do ministro de visitar e conhecer a Ajorpeme reforça o trabalho de representatividade e fortalecimento do protagonismo dos empreendedores das micro e pequenas empresas, desenvolvido ao longo dos 40 anos de história e atuação da maior entidade da América Latina. 

Participaram da reunião com o Ministro Márcio França, a Presidente da Ajorpeme, Patricia Furlan Hille, o vice-presidente de Relações Institucionais da Ajorpeme, William Holz, a Presidente da Fampesc, Rosi Dedekind; o Presidente da ACIJ, Guilherme Bertani, o Presidente da CDL, Marcos Antônio Bittencourt e demais membros da diretoria executiva e conselho deliberativo da Ajorpeme. 


Na ocasião, o Ministro falou sobre como o governo federal pode promover caminhos e medidas para auxiliar no desenvolvimento das Micro e Pequenas Empresas, bem como a importância de um Ministério focado exclusivamente nas demandas destas empresas. “Com o ministério vocês da entidade tem uma porta para cobrar e reivindicar suas demandas para o Governo Federal”, afirmou França. 


O Vice-presidente de relações Institucionais da Ajorpeme, William Holz, apresentou demandas da Ajorpeme para o ministro, entre elas: o aumento do limite do Simples Nacional e o fim do Sublimite na reforma tributária para que as empresas do Simples continuem vendendo para empresas de lucro presumido ou real com crédito amplo e atualização anual do seu limite. A Fala demonstra a preocupação da entidade com o setor que gera 80% dos empregos do país.


França comentou sobre a reforma tributária, as diferenças das micro e pequenas empresas com as grandes Indústrias e sobre o Desenrola Brasil, programa de renegociação de Créditos Inadimplidos. “Muita gente está se regularizando através desta iniciativa”, contou França. O ministro também abordou sobre a importância de associações como a Ajorpeme para lutar e defender os interesses das micro e pequenas empresas. 


De acordo com a Presidente da Ajorpeme, Patricia Furlan Hille, o ministro França entendeu a preocupação da Ajorpeme com a Reforma Tributária e tem alguns caminhos para serem trabalhados para que a reforma seja adequada também para as micro e pequenas empresas. “Nós vamos continuar acompanhando as movimentações para que a micro e pequena empresa não sejam pegas de surpresa e que esse caminho de reforma seja bom realmente para todos no Brasil. ", afirmou Patricia .  



“Falamos sobre a  preocupação que nós temos com o impacto da reforma Tributária para os nossos associados, essa reforma que está na iminência de receber leis complementares, ele foi muito receptivo nos tranquilizou em alguns pontos, mas seguiremos acompanhando e reivindicando políticas públicas para o fortalecimento dos grandes empresários das micro e pequenas empresas.”, afirmou Rosi Dedekind, Presidente da Fampesc. 



De acordo com a Presidente da Ajorpeme, Patricia Furlan Hille, foi uma excelente oportunidade para conversar e apresentar as demandas dos associados para o Governo Federal, com este novo canal, assim como a Ajorpeme já faz com o governo estadual, Municipal, Senado, Câmara Federal, ALESC e Câmara dos Vereadores de Joinville. Essa representatividade dos interesses e necessidades dos associados reforçam o compromisso da entidade de fortalecer o protagonismo dos empreendedores das Micro e Pequenas empresas, dando, assim, mais força para quem empreende. 







15 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page