Diretor da Ajorpeme é o presidente da Associação de Escolas Particulares de Educação Infantil

Para representar as mais de 800 escolas particulares de educação infantil de Santa Catarina que foram fortemente impactadas pela pandemia do coronavírus - com as aulas paralisadas desde mês de março -, um grupo de profissionais do setor criou a Associação de Escolas Particulares de Educação Infantil de Santa Catarina (Aepesc).


"Como a proibição do funcionamento, observamos uma evasão em massa do número de alunos e queda bruta no faturamento. A situação é de total descaso e falta de apoio dos governantes. A cada dia que passa, a situação piora e o número de escolas que fecha definitivamente suas portas vai aumentando cada vez mais", explica Rodrigo C. Feldhaus, presidente da associação e diretor da Ajorpeme.


Ele conta que a Aepesc surgiu da necessidade de formalizar a união das instituições e já conta com 100 empresas participantes, uma semana após a sua criação: "Nossa atuação será sempre pautada pelo reconhecimento e valorização das escolas de educação infantil, propondo a construção de soluções que venham a contribuir com o desenvolvimento não só das associadas, mas da educação como um todo".


Para o presidente da Ajorpeme, Adael dos Santos, a criação da associação é um grande passo para a educação catarinense. "Este é um dos setores que foi negligenciado pelo poder público e não recebeu nenhum auxílio, desde o início da pandemia. Assim como fazemos na Ajorpeme, acredito que a Aepesc mostrará a força e importância do associativismo", declara.

  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon
  • Black YouTube Icon
CONTATO

R. Urussanga, 292 - Bucarein

Joinville, SC - 89202-400​​

47 2101 4100

ajorpeme@ajorpeme.com.br

© 2018 por Ajorpeme